Resenha - A lista Vip

Este foi , eu acho, um dos primeiros livros que eu li, sem ler nenhuma resenha antes. Eu conheci o 1º trabalho de Zoey Dean, A Lista Vip, meio que por acaso, eu não havia lido nenhuma resenha, nenhuma mesmo, nem nunca ninguém comentou comigo sobre o livro, mas eu vi a capa, li a sinopse e já veio aquela lembrança com Gossip Girl, que eu amo, e achei que o livro seria uma boa leitura. E eu não estava errada. A escrita de Zoey Dean me conquistou em o li em poucas horas e confesso, fiquei torcendo por um final feliz.



Sinopse: Aos 17 anos e oito meses, Anna Cabot Percy tem todos os pré-requisitos para ser uma patricinha do Upper East Side, Manhatan, onde vive. É bem-nascida, riquíssima, loura, alta e linda. Mas, apesar de tudo isso, Anna não é feliz. Certinha, ela se sente cada dia mais parecida com a mãe, que segue à risca o “Grande Livro É assim que fazemos – edição especial para os bem-nascidos da Costa Leste”. Uma decepção amorosa e outra familiar fazem Anna decidir ir morar com o pai, em Los Angeles. E é rumo à cidade das celebridades, na primeira classe do avião, que as coisas começam a mudar.


Gente, leiam bem a sinopse, eu já fiquei com os olhos bem abertos quando li, eu adoro Manhatan, adoro L.A  e adoro saber dos segredos dos bem nascidos de lá, sem falar no nome da protagonista, Anna Cabot Percy, que eu não conseguia parar de pronunciar. Anna é uma menina madura, super inteligência, responsável, bem educada, culta, que adora ler clássicos, se imagina sempre na história de seus livros preferidos, mas não é feliz, ela acredita que precisa mudar, deixar de ser boazinha demais, e começar a viver a vida, digamos com um pouco mais de perigo. Então embarca em uma avião para morar com o pai, em L.A, acho que um dos pontos principais do livro é que ele não enrola, Zoey Dean mostra desde o começo pra que veio, e as coisas começam a mudar, logo no avião ela conhece um carinha super lindo e faz uma coisa que até então nunca havia feito, ficaram curiosos? Ele então a convida para um casamento, e ela aceita, conhecendo então, suas 3 próximas inimigas: Cammie, Sam e Dee, formando ali aqueles casos que vimos tanto em GG, mantenha seus amigos perto, mas mantenha seus inimigos mais perto ainda, o que resulta em muita confusão, umas engraçadas, outras mais dramáticas.

Este é o primeiro livro da série, que são no total de 10 livros, mas infelizmente no Brasil só temos publicamos os 2 primeiros. Mas vale a leitura viu gente, o final do primeiro livro é tão triste que chega a dar nó na garganta. É uma leitura leve, descomplicada, mas que dá aquele friozinho na barriga.

Título Original: The A-List
Autor: Zoey Dean
Data de Publicação: 2003
Número de Páginas: 253
Editora: Nova Fronteira



8 comentários:

  1. Esse livro me lembrou Gossip Girl, por isso não curti muito! rs
    Beijos,
    Vinícius - Livros e Rabiscos

    ResponderExcluir
  2. Ótima resenha, parece ser muito legal esse livro, beijinhos e obrigada pela visita !

    www.descontraidas.com

    ResponderExcluir
  3. Eu confesso que não gosto dos livros de Gossip Girl, e pela minha experiencia com eles eu evito um pouco ler livros que seguem o mesmo rumo. Eu sei que eu tenho que tentar ler algo de outra autora para ver se o problema foi com o estilo ou só com a narração mesmo. Quem sabe eu não dou uma chance para esse?
    Beijinhos
    Segredo de um Mundo

    ResponderExcluir
  4. Oi, Michelle! Lindo seu blog! O livro parece ser realmente bom e me lembrou bastante Gossip Girl também. Adoro chick-lit juvenil então com certeza A Lista VIP seria um livro que eu leria. Só me desanima saber que são 10 livros!

    Beijos!

    ResponderExcluir
  5. Passa la tem selinho de incentivo a leitura pra vc. Bjus

    ResponderExcluir
  6. seu blog o muito lindo
    e os posts são incriveis
    queria te convidar para conheçer meu blog
    tem varias diquinhas de make up
    se gostar e só seguir e depois deixa um comentario que imediatamente irei seguir você de volta (:
    beijos e estou aguardando sua visitinha lá

    blog ~~> http://deliniando.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. parece até um livro legalzinho, mas acho que nao leria nao

    ResponderExcluir